loader

25 dicas para a vida dos empreendedores – LeWay

O caminho é longo, mas sempre tem um passo a ser dado, e esse é o foco da viagem.

O plano de fundo

Vista ao longe, a aventura de empreender é empolgante. Todo mundo sonha em trabalhar com suas próprias regras. Os mais corajosos deixam empregos para perseguir seus sonhos. Se você não se intimida diante do fracasso, você já deu o primeiro passo para o empreendedorismo.

É um caminho desafiador, semelhante à “jornada do herói”, tão bem descrita por Joseph Campbell, que é um outro capítulo à parte para o empreendedor tomar conhecimento. Uma viagem que pode ser exigente e onerosa, com certeza levará você a cometer muitos erros ao longo do caminho. Mas o empreendedor, como o herói, sempre pode contar com opções que só o conhecimento revela.

Os pontos-chave

Reuni 25 lembretes que vieram em diferentes momentos mas que me inspiram, sem grandes explicações, pois são notas breves que se explicam quase por si mesmas. Espero que você possa tirar partido desta lista:

  1. Assumir riscos. Uma das partes mais emocionantes de ser um empreendedor é a emoção e a alegria que você recebe de ver se algo funciona, principalmente por ter consciência dos riscos desde o início.
  2. Construir uma rede de intercâmbio. Networking pode trazer muitas oportunidades de orientação, trocar ideias com seu segmento e com o empreendedorismo em geral pode lhe render muito.
  3. Ouvir e não ouvir. Ouça todos os conselhos antes de tomar a decisão. Na hora de decidir, não ouça ninguém e confie no seu taco.
  4. Trabalhar com pessoas que você gosta. Isso é importante. Se você não gosta das pessoas com quem trabalha, você nunca será capaz de aumentar suas oportunidades e prosperar.
  5. Organizar seu tempo. Parece simples mas não é, pois sempre se deve estar investigando como aproveitar melhor seu tempo.
  6. Organizar seu corpo. Comprometa-se com um programa físico e defina sua alimentação. Sua saúde é seu ativo mais importante. Você pode ser a pessoa mais bem sucedida do mundo, mas isso não importa se você não tem sua saúde.
  7. Aprender todos os dias. A rotina tem seus encantos, pois empreendedorismo é sobre como resolver problemas e aprender em qualquer lugar. É emocionante para aprender coisas novas e o empresário deve aprender algo novo todos os dias. Isso é parte do dom do trabalho.
  8. Usar o LinkedIn. A rede profissional é uma ferramenta de negócios muito eficaz. Você pode interagir com praticamente qualquer pessoa, ler posts e mostrar suas realizações e conhecimentos sobre o seu perfil.
  9. Ler tudo. Dedique tempo para ler blogs, jornais, revistas e livros. Leia coisas relacionadas e não relacionadas ao seu negócio, e procure ler ficção e não-ficção. O empreendedor só tem a ganhar com a leitura, ela articula ele ao mundo.
  10. Pedir ajuda. Coloque o orgulho de lado. Empreender é difícil de fazer sozinho. Peça por ajuda. As pessoas vão respeitar a sua vontade de aprender e ser humilde. Você ficaria surpreso com o que pode acontecer quando você perguntar.
  11. Não desistir. Não ouça os pessimistas. Se você falhar com uma ideia, trate de iniciar outra, não importa qual, para cima ou para baixo, sucesso ou fracasso, você está sempre empreendendo. Lembre-se disso.
  12. Ser resiliente. Superar o seu medo do fracasso e perceber que isso não é uma coisa ruim, mas sim um bom esforço para tentar algo novo.
  13. Aproximar conteúdo da forma. Sua mensagem é tão importante quanto a forma que é apresentada.A primeira qualidade que o empreendedor deve desenvolver é a de comunicar-se com eficácia.
  14. Não basta seguir suas próprias paixões.  Siga também as paixões dos outros. Se alguém é apaixonado por uma ideia, é possível que seja uma oportunidade.
  15. Estar confortável com mudanças. No mundo da inicialização, você precisa se adaptar às mudanças e viver em um estado um pouco caótico.
  16. Desligar. É fácil se trancar em uma sala e trabalhar durante todo o dia e noite. Aprender a desconectar é tão importante quanto o trabalho duro. Seu cérebro precisa de descanso. Desligar pode dar ao seu cérebro a reposição necessária e ajudar a resolver os problemas com os quais você está lidando.
  17. Decidir com flexibilidade. Acompanhe os fatos quando é essencial desistir de suas crenças, se você tem estatísticas e pesquisas de mercado contando uma história diferente. Flexibilidade, muitas vezes, leva ao crescimento e oportunidade.
  18. Traduzir as ideias com boa comunicação. Contar histórias é um poderoso elemento de marketing. Relacione seu negócio de uma maneira rotineira que faça sentido para as pessoas.
  19. Arranje tempo para a sua família.  É fácil, no clima envolvente da construção de uma empresa, esquecer o que realmente mais importa na vida. Sua família vai estar lá com você em todas situações e você vai ter um melhor desempenho como um líder quando você investir tempo e energia em suas relações familiares.
  20. Segurar a ansiedade. Você sempre tem ansiedades, especialmente se você está assumindo grandes riscos. Se você deixar suas ansiedades invadirem o trabalho, isso irá infectar sua empresa. Certifique-se de proteger seus empregados e lidar com suas ansiedades de outra maneira.
  21. Perguntar por que você está sendo pago. Se você entender por que seus clientes escolheram seu negócio em vez do de um concorrente, você pode melhorar o seu produto ou serviço e oferecer algo ainda melhor.
  22. Tirar os filtros. Embora seja bom amar sua ideia de negócio, você também precisa ouvir as pessoas que não gostam ou oferecem sugestões de melhoria.
  23. Fazer sua marca épica.  Invista em seu design e garanta o melhor para seu logotipo, como também para a produção de vídeo da mais alta qualidade.
  24. Montar equipe versátil. Logo no início, quando contratar pessoas, procure quem mostra ser capaz de usar muitos chapéus diferentes. Se alguém tem mentalidade tipo “isso não é meu trabalho” é a negatividade que vai prejudicar o crescimento do seu negócio.
  25. Desenvolver amizade com a tecnologia.  Se você não é capaz de aceitar a mudança e as inúmeras formas tecnológicas que podem ajudar a sua empresa, deve haver alguém que o faça.